quinta-feira, 18 de dezembro de 2008

Sinceros votos!!!

O tesouro mais precioso - Jack Canfield e Mark Victor Hansen

Uma mulher velha e sábia fazia uma viagem através das montanhas quando, no leito do rio, encontrou uma pedra preciosa. No dia seguinte, continuando seu caminho, deparou-se com um viajante que tinha fome e, para atender o seu pedido de ajuda, a mulher abriu a bolsa para dividir com ele sua comida.

O homem deslumbrou-se com a visão da pedra e pediu à mulher que lhe desse de presente. Sem hesitar, ela lhe entregou a jóia. O viajante se foi, rejubilando-se por sua sorte. O tesouro poderia garantir-lhe segurança para toda a vida.

Mas, alguns dias depois, ele voltou à procura da mulher. Ao encontrá-la, entregou-lhe a pedra, dizendo:
"Pensei muito e sei bem o valor desta pedra, mas venho devolvê-la. O que quero é algo muito mais precioso. Se for possível, me dê o que está dentro de você e que a fez capaz de me entregar um tesouro como esse."

Veja mais: http://www.dejovu.com

Pesquisa indica os melhores relatórios de sustentabilidade brasileiros, mas mostra que as empresas devem ser mais transparentes na prestação de contas

Os relatórios de sustentabilidade publicados pelas empresas são uma forma de comunicação com os chamados stakeholders — ou seja, todos os públicos impactados por seus negócios ou que tenham interesses neles, como funcionários, acionistas, clientes, fornecedores, ONGs, comunidades do entorno e a sociedade em geral. E, é claro, com os consumidores, especialmente os conscientes, que procuram informações sobre as empresas e buscam conhecer seu real compromisso com a sustentabilidade, orientando assim suas escolhas de produtos e serviços.

Veja mais: http://www.akatu.org.br/

Comunicação para sustentabilidade

Por Cristina Tavelin

A performance ética das empresas é cada vez mais avaliada pelos consumidores na hora da compra, o que está levando os profissionais da propaganda a repensarem seu papel na produção de conteúdo. Para sanar as dúvidas recorrentes nesse processo de adaptação, diversos estudos têm sido realizados mundo afora para debater as tendências e os desafios da comunicação para a sustentabilidade. Nesse cenário, a auto-regulamentação é um assunto cada vez mais recorrente entre os profissionais da área.

Veja mais: http://mercadoetico.terra.com.br/

DIFERENÇA ENTRE AMIZADE MASCULINA X FEMININA

Certa noite uma mulher não voltou para casa...
No dia seguinte, ela disse ao marido que tinha dormido na casa de uma amiga.
Desconfiado, o homem telefonou para as 10 melhores amigas da mulher, e...
Nenhuma sabia de nada...
Moral da História: Ô RAÇA DESUNIDA...
--------------------------------------------------------------------------
Certa noite um homem não voltou para casa...
No dia seguinte, ele disse à esposa que tinha dormido na casa de um amigo.
Desconfiada, a mulher telefonou para os 10 melhores amigos do marido e...
Oito deles confirmaram que ele tinha passado a noite na casa deles e dois disseram que ele ainda estava lá!!!
Moral da História: Ô RAÇA FILHA DA PUTA

Enviado por: Elenice Antunes - elenicereis.ATP@petrobras.com.br

terça-feira, 16 de dezembro de 2008

O teatro magico!

Dizem que o show é muito bacana, combinando elementos circenses, poesia e música. Até ai nada de novo... Já que muitos já fizeram isso (Secos e Molhados, Kiss...). O bacana do O Teatro Mágico é que além de combinar estes elementos eles também combinam o que há de mais novo do ponto de vista de divulgação de bandas e música.

Quer ver? Vai lá no site dos caras: http://www.oteatromagico.mus.br/novo/

Website bem montado, uma estrutura comercial itinerante, divulgação e distribuição dos produtos associados a sua marca, todas as músicas estão disponíveis para download oficial, o cd e outros produtos como livros e camisetas também são vendidos diretamente no site por um preço muito atrativo. Show!!!

Não adianta tentar misturar os universos masculino e feminino

Minha mulher, doce Flaviana (http://flavianablog.blogspot.com/), me envio o texto abaixo, informando a suposta autoria do nosso querido Luiz Fernando Veríssimo, para lembrar de uma experiência vivida por mim meses atrás. Claro que não foi o mesmo local, mas a reação foi bem parecida... E com as lembranças que tive, acreditei que deveria chamar a atenção de todos os homens que sofrem pressão psicológica de suas amadas mulheres, que só querem o nosso bem, para entrar nessa.

Depilação...

Estava eu assistindo TV numa tarde de Domingo, naquele horário em que não se pode inventar nada o que fazer, pois no outro dia é segunda-feira, quando minha mulher deitou-se do meu lado e ficou brincando com minhas 'partes'.

Após alguns minutos ela veio com a 'brilhante' idéia: Por que não depilamos seus ovinhos, assim eu poderia fazer 'outras coisas' com eles.

Aquela frase foi igual um sino na minha cabeça. Por alguns segundos fiquei imaginando o que seriam 'outras coisas'.

Respondi que não, que doeria coisa e tal, mas ela veio com argumentos sobre as novas técnicas de depilação e eu, imaginando as 'outras coisas', não tive mais como negar.

Concordei!

Ela me pediu que ficasse pelado enquanto buscaria os equipamentos necessários para tal feito. Fiquei olhando para TV, porém minha mente estava vagando pelas novas sensações que só despertei quando ouvi o beep do microondas.

Ela voltou ao quarto com um pote de cêra, uma espátula e alguns pedaços de plástico. Achei meio estranho aqueles equipamentos, mas ela estava com um ar de 'dona da situação' que deixaria qualquer médico urologista sentindo-se como residente.

Fiquei tranqüilo e autorizei o restante do processo. Pediu para que eu ficasse numa posição de quase-frango-assado e liberasse o acesso à zona do agrião. Pegou meus ovinhos como quem pega duas bolinhas de porcelana e começou a passar cêra morna. Achei aquela sensação maravilhosa!

O Sr. Pinto já estava todo 'pimpão' como quem diz: 'sou o próximo da fila'! Pelo início, fiquei imaginando quais seriam as 'outras coisas' que viriam.

Após estarem completamente besuntados de cêra, ela embrulhou ambos no plástico com

tanto cuidado que eu achei que iria levá-los para viagem.

Fiquei imaginando onde ela teria aprendido essa técnica de prazer: na Thailândia, na China ou pela Internet mesmo?

Porém, alguns segundos depois ela esticou o saquinho para um lado e deu um puxão repentino. Todas as novas sensações foram trocadas por um sonoro PUUUUTA QUEEEE

ME PARIUUUUUUU quase falado letra por letra.

Olhei para o plástico para ver se o couro do meu saco não tinha ficado grudado. Ela disse

que ainda restavam alguns pelinhos, e que precisava passar de novo. Respondi prontamente: Se depender de mim eles vão ficar aí para a eternidade!!!

Segurei o Dr. Esquerdo e o Dr. Direito com as duas mãos, como quem segura os últimos ovos da mais bela ave amazônica em extinção, e fui para o banheiro. Sentia o coração bater nos ovos.

Abri o chuveiro e foi a primeira vez que eu molhei o saco antes de molhar a cabeça. Passei alguns minutos só deixando a água gelada escorrer pelo meu corpo.

Saí do banho, mas nesses momentos de dor qualquer homem vira um bebezinho novo: faz merda atrás de merda.

Peguei meu gel pós-barba com camomila 'que acalma a pele', enchi as mãos e passei nos ovos.

Foi como se estivesse passado molho de pimenta. Sentei no bidê na posição de 'lava

xereca' e deixei o chuveirinho acalmar os Drs. Peguei a toalha de rosto e fiquei abanando os ovos como quem abana um boxeador no 10° round.

Olhei para meu pinto. Ele, coitado, tão alegrinho minutos atrás, estava tão pequeno que

mais parecia irmão gêmeo de meu umbigo.

Nesse momento minha mulher bate à porta do banheiro e pergunta se estava passando bem. Aquela voz antes tão aveludada e sedutora ficou igual uma gralha.

Saí do banheiro e voltei para o quarto. Ela estava argumentado que os pentelhos tinham saído pelas raízes, que demorariam voltar a nascer. 'Pela espessura da pele do meu saco, aqui não nasce nem penugem, meus ovos vão ficar que nem os das 'codornas', respondi.

Ela pediu para olhar como estavam. Eu falei para olhar a meio metro de distância e sem tocar em nada e se ficar rindo vai entrar na PORRADA!!

Vesti a camiseta e fui dormir (somente de camiseta). Naquele momento sexo para mim, nem para perpetuar a espécie humana. No outro dia pela manhã fui me arrumar para ir trabalhar. Os ovos estavam mais calmos, porém mais vermelhos que tomates maduros.

Foi estranho sentir o vento bater em lugares nunca antes visitados. Tentei colocar a cueca, mas nada feito. Procurei alguma cueca de veludo e nada.

Vesti a calça mais folgada que achei no armário e fui trabalhar sem cueca mesmo. Entrei na minha seção andando igual um cowboy cagado. Falei bom dia para todos, mas sem olhar nos olhos. E passei o dia inteiro trabalhando em pé com receio de encostar os tomates maduros em qualquer superfície.

Resultado... Certas coisas devem ser feitas somente pelas mulheres. Não adianta tentar misturar os universos masculino e feminino.

Ainda dói.

Pare de reclamar e agradeça!










Carpe Diem!!!


segunda-feira, 15 de dezembro de 2008

A TRIBO DOS MAROMBEIROS

Nas academias de musculação um dos grupos que “malham” todo dia são os chamados “marombeiros” onde visivelmente a hierarquia costuma ser postulada pelo tamanho dos músculos e/ou anos de experiência. Como todo grupo social eles têm algumas características e até regras comuns. Alguns fazem uso de anabolizantes, drogas que deixam o sujeito forte, mas pode
causar impotência sexual e até matar. É o nosso assunto da semana.

Veja em "www.noticiasdocorpo.com.br" - Por Moraes


O círculo da tolerância

Um famoso senhor com poder de decisão, gritou com um diretor da sua empresa, porque estava com ódio naquele momento.

O diretor, chegando em casa, gritou com sua esposa, acusando-a de que estava gastando demais, porque havia um bom e farto almoço à mesa.

Sua esposa gritou com a empregada que quebrou um prato.

A empregada chutou o cachorrinho no qual tropeçara.

O cachorrinho saiu correndo, e mordeu uma senhora que ia passando pela rua, porque estava atrapalhando sua saída pelo portão.

Essa senhora foi à farmácia para tomar vacina e fazer um curativo, e gritou com o farmacêutico, porque a vacina doeu ao ser-lhe aplicada.

O farmacêutico, chegando à casa, gritou com sua mãe, porque o jantar não estava do seu agrado.

Sua mãe, tolerante, um manancial de amor e perdão, afagou-lhe seus cabelos e beijou-o na testa, dizendo-lhe:

-"Filho querido, prometo-lhe que amanhã farei os seus doces favoritos. Você trabalha muito, está cansado e precisa de uma boa noite de sono. Vou trocar os lençóis da sua cama por outros bem limpinhos e cheirosos para que você descanse em paz. Amanhã você vai sentir-se melhor."

E abençoou-o, retirando-se e deixando-o sozinho com os seus pensamentos.

Naquele momento, rompeu-se o círculo do ódio, porque esbarrou-se com a tolerância a doçura, o perdão e o amor.

Faça você o mesmo!

Veja mais: http://www.dejovu.com/

quinta-feira, 11 de dezembro de 2008

Caso João Roberto - PM foi absolvido da acusação de homicídio duplamente qualificado.

Olha o que disse o pai no G1...

“Não podemos aceitar o que aconteceu hoje. É um absurdo dizer que a pessoa estava no cumprimento do dever. Matar uma criança de 3 anos, quase matar minha mulher e meu outro filho e sair daqui impune, estar nas ruas de novo, isso não pode acontecer. Acredito até o final na Justiça. Essas pessoas vão ter que pagar pelo homicídio do meu filho. Isso não vai ficar assim. Ainda não acabou”, protesta o pai de João Roberto, Paulo Roberto.

Quer mais? A assessoria de imprensa do Hospital de Base do DF confirmou ao mesmo jornal que o torcedor são-paulino Nilton César de Jesus morreu hoje pela manhã... Tem um vídeo no YouTube que mostra torcedor do São Paulo, Nilton César de Jesus, sendo baleado por um policial após a conquista do campeonato brasileiro. Vai lá ver!!!

O Ministério Público do DF descartou a possibilidade de o sargento José Luiz de Carvalho (PM que seu o tiro) responder por tentativa de homicídio doloso (com intenção de matar). Mas, como já é esperado, existe um promotor de justiça, o Sr. Paulo Gomes, dizendo que as imagens mostram que o tiro foi acidental. Aí eu pergunto... E se fosse o filho ou a filha dele?!

Sinceramente, eu não sou mais tão crente assim na justiça quanto o Sr. Paulo Roberto. Exatamente por aquilo que está acontecendo com ele e por tudo o que é insistentemente divulgado pelos jornais todos os dias! E não é só na Justiça não... É no estado como um todo!

Por onde andam os “caras pintadas” que, no início dos anos 90 (e nesta eu me incluo), desfilavam pelas ruas do país exigindo o impeachment do presidente Collor e ao fim da roubalheira e falta de vergonha de um governo corrupto? Terão esquecido, ou apenas cresceram e já entenderam que de nada adianta espantar as moscas?

O exército... Vamos falar claro: Já deveria estar claro que para resolver este tipo de problema a sua principal diferença em relação aos demais funcionários públicos (dos quais falam com indisfarçável desprezo) é a sua completa inutilidade. Se fosse diferente aparatos militares já teriam tomado morro e favela, a revelia de poderes coniventes com a anarquia que toma conta do nosso pais, controlando a segurança pública. Isso sem falar no comportamento “marionete” exercido pelo governo e aceito por eles.

Por fim... Onde está o povo?! "Ainda somos os mesmos, e vivemos como os nossos pais?!!"

Grupo Natal no Coração

O grupo é formado por voluntários, missionário da Família Internacional, por tempo integral que ao longo dos anos têm participado em iniciativas sociais através de apresentações de música, teatro e dança.

O tema “Natal no coração” é uma iniciativa da Família, que tem ao longo dos anos desenvolvido no Rio de Janeiro, e em outras cidades, diversos projetos sociais e de ajuda humanitária por meio de programas de formação cultural e desenvolvimento social para jovens e crianças.

video
Veja a apresentação na Pterobras - Editado por MARTA ROSE

Neste momento, em que as empresas estão cortando gastos em qualquer coisa, o grupo de missionários cumpre sua apresentação sem receber nada material por ela, pois seu objetivo é levar AMOR aos corações das pessoas.

O grupo Natal no Coração está de volta, com comoventes canções natalinas, interpretadas por adultos e crianças, que irão alegrar seus corações e lembrar a todos o Verdadeiro sentido do Natal!

Acrescente à sua programação natalina um pouco desta alegria!

Contato : Elias ou Carolina – 87668025 ou escreva para: natal.no.coracao@gmail.com


Fonte:
Guilherme Augusto Miguel Werneck - membro ativo da Família Internacional, meu amigo e colega de trabalho - guilherme.werneck@petrobras.com.br

Lona da alegria - Programação para toda a família na Lagoa Rodrigo de Freitas

No dia 14 de dezembro, o CBTIJ - Centro Brasileiro de Teatro para a Infância e Juventude irá realizar, em parceria com o SESC Rio, uma programação voltada para toda a família. Levem seus filhos, sobrinhos e amigos. O evento será no Parque dos Patins, próximo ao Heliponto da Lagoa.

*Lona da Alegria*

*Programação de teatro no Parque dos Patins - Lagoa Rodrigo de Freitas*

- 10h - Abertura do evento com os atores Ana Nogueira e Luis Carlos Jujuba, do grupo Cantos do Rio, Mestres de Cerimônia.
- 10h30 – De Férias no Sítio* - Centro Teatral E Etc. & Tal.
- 11h30 – Batucantá: um passo para a Música* - Grupo Batucantá
- 12h30 - CUFA Cultura de Rua *- Central Única das Favelas (CUFA).
- 13h20 - Fechamento com Intervenções de Ana Nogueira e Luis Carlos Jujuba

Mais insformações: www.cbtij.org.br e www.sescrio.org.br

Lona da alegria
V Mostra de Teatro na Lagoa Rodrigo de Freitas
Dia 14 de dezembro, das 10h às 14h
Parque dos Patins - Lagoa Rodrigo de Freitas

quarta-feira, 10 de dezembro de 2008

A aranha

Uma vez um homem estava sendo perseguido por vários malfeitores que queriam matá-lo.
O homem, correndo, virou em um atalho que saía da estrada e entrava pelo meio do mato e, no desespero, elevou uma oração a Deus da seguinte maneira :

"Deus Todo Poderoso fazei com que dois anjos venham do céu e tapem a entrada da trilha para que os bandidos não me matem !!!"

Nesse momento escutou que os homens se aproximavam da trilha onde ele se escondia e viu que na entrada da trilha apareceu uma minúscula aranha.
A aranha começou a tecer uma teia na entrada da trilha.
O homem se pôs a fazer outra oração cada vez mais angustiado:

- "Senhor, eu vos pedi anjos, não uma aranha."
- "Senhor, por favor, com tua mão poderosa coloca um muro forte na entrada desta trilha, para que os homens não possam entrar e me matar..."

Abriu os olhos esperando ver um muro tapando a entrada e viu apenas a aranha tecendo a teia.
Estavam os malfeitores entrando na trilha, na qual ele se encontrava esperando apenas a morte.
Quando passaram em frente da trilha o homem escutou :

- "Vamos, entremos nesta trilha!"
- "Não, não está vendo que tem até teia de aranha!? Nada entrou por aqui. Continuemos procurando nas próximas trilhas".

Veja mais: http://www.dejovu.com

terça-feira, 9 de dezembro de 2008

Onde anda sendo aplicada a verba do IPTU na RO

Onde anda sendo aplicada a verba do nosso IPTU é difícil de dizer, mas onde não anda sendo aplicada é fácil de perceber.

O método é simples: adicione uma chuva de um ou dois dias a ruas sem pavimentação de Itaipu e esgoto, e aguarde o resultado... Lama e mais lama!!!

Acontece o mesmo com sua rua? Coincidência ou não, se for o caso, acontece com a minha e com diversas ruas da Região Oceânica. E eu seu que você conhece bem o problema!!!

Ninguém vai morrer se pisar em um pouquinho de lama (claro!), mas o caso é que pelo valor de IPTU que pagamos nos dá o direito de tirarmos o pé da lama. Ou seja, deveríamos ter ruas asfaltadas, drenadas, saneadas, iluminadas e varridas.

É, varridas sim. Você já viu a CLIN varrendo sua rua? A minha nunca!!!

Acredito que o nosso IPTU, que não é barato, esteja sendo mal aplicado ou mal distribuído. E já passou da hora da nossa Prefeitura dar uma olhada com mais carinho para a Região Oceânica.

Vi senhoras, crianças, gestantes, deficientes tentado se equilibrar ao caminhar em meio a lama. O tão famoso direito de ir e vir não participou de tal situação. Vamos Prefeitura, fazer acontecer em toda a sua plenitude o seu lema "cidadania para todos"!

Também nunca vi ninguém varrer a rua, só mesmo os moradores... Gostaria de ilustrar este texto com as fotos que seguem em anexo. É a antiga Avenida 2 (Entrando pela Rua 2, é a segunda a cruzá-la) atual Av. José Cortes Junior.

Ela vira um “piscinão” quando chove, atolando carros que por ali passam.

Com sorte, se fizer sol durante umas três semanas, só então a lama vira buracos... É justo isso?


Essa é para quem pensa que sabe dirigir....

video

Olho grande!

video

Olha isso...



Videos

Obrigado vascaínos!!!

Desde ontem, graças ao Vasco, não leio desgraça nos jornais. Claro que o resultado para os vascaínos foi um sucesso funesto, mais não estou falando nisso. Falo de tudo o que resta aos brasileiros nos jornais matutinos... Suportar desgraças diárias!!!
Os tradicionalistas podem não gostar, mas a tendência de alguns de nós, brasileiros, para o catastrofismo é uma das heranças culturais lusitanas que persiste na, digamos assim, “mentalidade nacional média”. Eu disse “média” e não mediana, pois esse tipo de mentalidade é característico, particularmente, dos extratos médios da sociedade, incluindo políticos, intelectuais, jornalistas e formuladores de opinião. Bom... É só ler jornal para ver que isso é uma verdade!
Entre um café e outro no trabalho, uma amiga, vendo as notícias num portal noticioso disparou um comentário simplesmente primaz: “agora que acabaram as eleições, o Vasco foi para a segundona, o Obama ganhou e o César Maia perdeu, o que a imprensa noticiará?”.
De fato, num país - melhor “num planeta” - onde a imprensa vive da desgraça e da miséria, é uma afirmação realmente pertinentíssima. Desgraça vende jornais, dá audiência a moribundos e decadentes telejornais, dá visibilidade a revistas oportunistas e golpistas. Em suma: desgraça vende.
Mas, dinheiro à parte, por que a desgraça atrai tanto? Eu diria que, apesar da moral cristã agindo durante quase dois milênios sobre o Ocidente, o mal continua sendo gerado pelo homem e por ele mesmo posto dentro de si.
Evitando os maniqueísmos, uma definição de mal: não uma força etérea como quer a religião e o misticismo de maneira geral, mas sim qualquer ação que perverta uma situação e a torne nociva para os eventuais participantes; ou uma idéia que perverta ou deprima os ânimos e o fluxo de pensamentos, que desvie os raciocínios do considerado senso crítico pela via da comoção; apresentar desgraças em série é subverter o senso crítico pela comoção, povo comovido faz liames estúpidos, procuram culpados para faltas coletivas e por aí vai.
Assim, queridos vascaínos, muito obrigados! E agradeço sem nenhum falso moralismo, afirmando que toparia ver meu querido Flamengo passando pelo mesmo, caso isso fosse sinônimo de um bom tempo sem ler desgraças pela manhã.

Mercado de carbono: negócio rentável e eficiente

A principal causa das mudanças climáticas pelas quais o planeta tem passado é o aumento da concentração de gases que provocam o efeito estufa, capaz de aprisionar o calor na atmosfera. Dentre eles estão o dióxido de carbono (CO2), formado a partir da associação entre o carbono – um dos principais constituintes da vida e um dos dez elementos químicos mais abundantes do universo, presente em todas as substâncias orgânicas – e o oxigênio. Sem o dióxido de carbono e outros gases de efeito estufa, a Terra seria um planeta congelado.

Veja mais: http://www.revistafilantropia.com.br/rf/

Como fazer para durar o amor

Uma mãe e a sua filha estavam a caminhar pela praia. Num certo ponto, a menina disse:

- Como se faz para manter um amor?

A mãe olhou para a filha e respondeu:

- Pega num pouco de areia e fecha a mão com força...

A menina assim fez e reparou que quanto mais forte apertava a areia com a mão, com mais velocidade a areia se escapava.

- Mamãe, mas assim a areia cai!!!

- Eu sei, agora abre completamente a mão...

A menina assim fez mas veio um vento forte e levou consigo a areia que restava na sua mão.

- Assim também não consigo mantê-la na minha mão!

A mãe, sempre a sorrir disse-lhe:

- Agora pega outra vez num pouco de areia e mantenha na mão semi-aberta como se fosse uma colher... bastante fechada para protegê-la e bastante aberta para lhe dar liberdade.

A menina experimenta e vê que a areia não se escapa da mão e está protegida do vento.

Fonte: http://www.dejovu.com/mensagens/ver/?173

sexta-feira, 5 de dezembro de 2008

Petrobras pede seu desligamento do Instituto Ethos de Empresas e Responsabilidade Social. Companhia é alvo de campanha articulada contra sua imagem

Para restabelecer a verdade dos fatos quanto a notícias divulgadas na imprensa sobre o teor de enxofre no óleo diesel, a Petrobras afirma que vem sendo alvo de uma campanha articulada com o objetivo de atingir a imagem da Companhia e questionar a seriedade e eficiência de sua administração.

Por entender que o grupo de pessoas e entidades responsável por essa campanha contra a Companhia encontra respaldo no Instituto Ethos de Empresas e Responsabilidade Social, cujo conselho deliberativo é presidido por um de seus integrantes, a Petrobras, em respeito a todos os seus públicos de interesse e em conformidade com sua postura de responsabilidade social, decidiu hoje pelo seu desligamento da entidade.

O grupo de pessoas que atua de forma deliberada e difamatória contra a Petrobras é composto por integrantes das Secretarias de Meio Ambiente dos Estados de São Paulo e Minas Gerais, Secretaria do Verde e Meio Ambiente da Cidade de São Paulo, e de algumas organizações não-governamentais que se intitulam representantes da sociedade civil de São Paulo.

Entre outras afirmações mentirosas, o grupo diz que a Petrobras descumpre uma resolução Conama que não existe. O grupo mente ainda ao dizer que a Petrobras descumpre um Termo de Ajuste de Conduta - TAC igualmente inexistente que obrigaria a Companhia a ajustes na sua conduta supostamente indevida.

Resolução Conama

Ao contrário do que esse grupo tem afirmado, a Resolução Conama 315/2002 não trata sobre composição de combustíveis, muito menos sobre teores de enxofre no diesel, e sim sobre nível de emissões que os veículos, produzidos no Brasil ou importados, deverão apresentar a partir de janeiro de 2009. É portanto insustentável a afirmação de que a Petrobras estaria desrespeitando essa resolução.

A regulamentação sobre composição de combustíveis é competência da Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis - ANP, que a fez na Resolução ANP nº 32 de 16 de outubro de 2007. Logo após, a Petrobras anunciou que fornecerá diesel com 50 ppm (partículas por milhão) de enxofre, a partir de janeiro de 2009, para os veículos que adotarem a tecnologia adequada às exigências da fase P-6 do Programa de Controle da Poluição do Ar por Veículos Automotores - Proconve.

O Juiz José Carlos Motta, da 19ª Vara Cível da Justiça Federal de São Paulo, em decisão liminar proferida em 15 de setembro de 2008 determinou "...à Petrobras, que forneça o diesel S-50 em quantidade suficiente ao abastecimento dos veículos novos a serem introduzidos no mercado consumidor a partir de 1 de janeiro de 2009, em pelo menos uma bomba em cada ponto de comercialização de combustível; ...". E acrescentou em 2 de outubro deste mesmo ano "...Nesta linha de raciocínio e para completar a decisão embargada esclareço que a embargante, neste feito, afirmou e reafirma agora o compromisso público de disponibilizar às distribuidoras o volume necessário de Diesel S-50 comercial para atender a frota de veículos da fase P6 do Proconve - novos - e dotados de tecnologias restritas à utilização de tal espécie de combustível." Essa decisão referendou posições e práticas que a Petrobras vem adotando.

Cabe ressaltar que a Procuradora da República, Ana Cristina Bandeira Lins, em carta ao jornal Gazeta Mercantil em 12 de novembro de 2008 afirma textualmente "Um engano muito grande é dizer que há uma norma exigindo a distribuição exclusiva de óleo Diesel S-50 em todo o País." Em outra carta, publicada pela Folha de S. Paulo em 29 de novembro de 2008, diz que "a cada dia convenço-me mais que essa briga não tem nenhum cunho ambiental; é apenas uma guerra partidária."

Qualidade do ar de São Paulo

A afirmação de que a atual quantidade de enxofre no diesel é a única responsável pela qualidade do ar e a conseqüente ocorrência de graves doenças respiratórias da população brasileira é questionável, mesmo no âmbito metropolitano. Além disso, segundo relatório da Cetesb de 2007, o principal problema para a qualidade do ar de São Paulo é o ozônio, que não está diretamente relacionado com o teor de enxofre do óleo diesel. Quanto ao material particulado, que tem relação com o teor de enxofre do diesel, os índices de São Paulo estão aceitáveis, abaixo dos limites do Conama.

Assim, é enganoso afirmar-se que apenas reduzindo o teor de enxofre do diesel resolveremos o problema da qualidade do ar. Primeiro porque o enxofre influencia somente o material particulado. Segundo, de acordo com a Organização Mundial de Saúde - OMS, a queima de matéria orgânica gera também material particulado e não é possível diferenciar a toxidade dessas duas origens. Terceiro, o diesel com 50 ppm de enxofre só é efetivo quando utilizado em motores com tecnologia avançada P-6, como os que seriam produzidos para atender a Resolução 315. Quarto e último, a qualidade do ar é influenciada por diversos fatores tais como: idade e tamanho da frota automotora, tecnologia dos motores, sistema viário, condição de manutenção da frota, programas de inspeção e renovação da frota, entre outros.

Diálogo e acordo

O grupo de pessoas e entidades sustenta outra inverdade, a de que a Petrobras tenha se furtado a dialogar com a sociedade sobre emissões veiculares. Esse diálogo ocorreu em vários fóruns e oportunidades, entre eles a Conferência Internacional do Instituto Ethos 2008, da qual a Petrobras foi patrocinadora e que contou com a presença de vários integrantes desse grupo.

Fonte: PETROBRAS

quinta-feira, 4 de dezembro de 2008

Este é o cara!


Jabuti Jonathan é o animal mais velho do mundo!
Batizado de Jonathan por Sir Spencer Davis, governante da ilha em 1930, o jabuti tem uma idade estimada de 176 anos. Quando o animal nasceu, em 1832, o Brasil era uma nação independente fazia apenas 10 anos, e o imperador d. Pedro II era apenas uma criança de sete anos.

Uma fotografia em preto e branco feita na Ilha de Santa Helena em 1900 é a chave para a descoberta do animal vivo mais velho do mundo. A imagem, feita durante a Guerra dos Bôeres – em que a Inglaterra anexou os territórios Transvaal e Orange, no nordeste da África do Sul –, mostra o jabuti em um gramado da Ilha de Santa Helena, que fica no sul do Oceano Atlântico.

Fonte: G1

Libertadores...


PEGUEI A VASSOURA E FUI VARRER A CASA

Recebi este texto por e-mail... Elaborado por Edison Borba, da Equipe do Projeto Inovar para Crescer, sofrido e verdadeiro, mostrando uma realidade que muitos não querem ver.

-"Pedi para enterrarem minha mulher grávida, junto com minha filha de três anos. Elas morreram soterradas e abraçadas. Eu não quis separá-las".

...Palavras de um homem, suposto morador de Santa Catarina, uma das vítimas das chuvas, descrevendo a sua tragédia.

Sexta-feira, 28 de novembro. Mais um final de semana. Mais um final de mês. Voltei do banco, onde fui pagar mais uma conta, entre tantas que tenho que pagar todos os meses. Ainda faltam dois dias para terminar o mês e o dinheiro já terminou. Agora é usar cheque especial, cartão de crédito e outros artifícios que nos ajudam a empurrar mais uma conta, mais uma dívida para mais adiante. Mais, mais, mais e mais!

Foi com esse desânimo, que voltei para casa. A semana foi cansativa, cheia de afazeres. Idas e vindas a diversos lugares. Uma semana de chuva. Muita chuva! Chuva persistente. Chuva teimosa. Brincando com o sol. Brincando com a gente. Fazendo poças, que irão se transformar em piscinas para os mosquitos. Mais um verão de sol, praia, turistas, biquínis, gente bronzeada e dengue.

Tudo isso e muito (muito) mais. "Coisas" pequenas, problemas do dia-a-dia, que somados, nos fazem ter vontade de sumir ou sucumbir nesta cidade que ainda é maravilhosa.

Foi com esse humor, ou melhor, mau humor, que liguei a TV. O apresentador, após amedrontar a todos com a queda das bolsas e os perigos que a crise americana está trazendo para o nosso modesto salário, iniciou uma detalhada explicação sobre as enchentes no estado de Santa Catarina. Casas destruídas, lama, água, lágrimas, barro, móveis, roupas, água, destruição, choro, chuva, gente, entulho, sujeira, barcos, soldados, solidariedade, medo, crianças, corpos, morte, dignidade, ruas, água e água, barranco, barreiras, estradas, veículos, prejuízos, comida, fome, sede, tristeza, chuva e chuva, lamentos, sofrimentos, ajuda, isolamento, solidariedade, doentes, perdas, sonhos, paredes, pertences, saques, aproveitadores, dinheiro, banco, conta, ajuda, desconfiança, canoas, lixo, rato, crianças, mulheres, bebês, homens, rostos, confiança, fé, dignidade, esperança, conformismo - Deus!

Mergulhei neste mar de informações. Tristes detalhes de vidas rompidas e sonhos interrompidos. Famílias desfeitas e casas destruídas. Desconstruções das construções humanas.

O barro cobrindo vidas. Enterrando famílias. Soterrando cidades.

Foi nessa complexidade de informações e emoções, que ele apareceu na tela da TV. Rosto sofrido. Olhos sem lágrimas. Um conformismo cortante. Um homem sem nada. Tudo que lhe pertencia, a chuva levou. O barro enterrou. Documentos, móveis, fotos, panelas, roupas, sonhos, esperanças, pequenas lembranças acumuladas em toda a sua vida. Brinquedos da filha, retratos da família, cheiro de casa, perfume da mulher, o gosto da comida caseira, os risos, as vozes, os cantares, os sons, as cores, a vida que foi vivida.

-"Pedi para enterrarem minha mulher grávida, junto com minha filha de três anos. Elas morreram soterradas e abraçadas. Eu não quis separá-las".

Minha sexta-feira difícil! Meus problemas da semana! Meus questionamentos! Minhas dívidas! Minhas dúvidas! O que fazer com tudo o que aconteceu comigo, diante daquele homem.

Peguei a vassoura e fui varrer a casa!

O Mercado de Petróleo e as Perspectivas da Petrobras

Por Adriano Pires

Em novembro, os preços futuros (contratos 1 mês) do petróleo tipo Brent e WTI atingiram em média US$ 56,16/b e US$ 57,61/b respectivamente, caindo 26% em relação ao preço médio verificado em outubro .
Ao longo do mês observou-se novamente a queda nos preços do petróleo Brent e WTI, que atingiram no final do mês US$ 53,49 e US$ 54,43 respectivamente. Esses valores representam queda de 63% em relação aos preços máximos atingidos em 03 de julho de 2008, quando fecharam em US$ 146,08 (Brent) e US$ 145,29 (WTI). A explicação principal para essa queda é a atual crise financeira mundial que provoca uma expectativa de redução no consumo de petróleo e derivados nos próximos anos, dado o atual cenário de desaceleração do crescimento econômico global.

Veja mais:
http://oglobo.globo.com/blogs/adriano/post.asp?t=o_mercado_de_petroleo_as_perspectivas_da_petrobras&cod_Post=144736&a=72

segunda-feira, 1 de dezembro de 2008

Postagens populares